Joomla Templates and Joomla Extensions by ZooTemplate.Com
    ltimas Notcias: Mudanças no Turismo federal são vitais para o sucesso do Brasil (Qua, 28 de Fevereiro de 2018 00:00)
    ltimas Notcias: Passaporte alemão é considerado o mais poderoso do mundo (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:31)
    ltimas Notcias: Rio Convention Bureau promoverá o Rio de Forma Virtual (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:31)
    ltimas Notcias: Autoridades de Turismo discutem febre amarela no Rio de Janeiro (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:29)
    ltimas Notcias: Brasil pode ganhar Estatuto do Turista (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:27)
    ltimas Notcias: Gesto de restaurantes tema de workshop no Rio (Qui, 09 de Novembro de 2017 13:49)
    ltimas Notcias: Startup Diaspora.Black incentiva turismo etnico (Ter, 07 de Novembro de 2017 00:00)
    ltimas Notcias: Brasil pode ganhar Estatuto do Turista (Ter, 07 de Novembro de 2017 00:00)
    ltimas Notcias: Museu do Caf a mais nova atrao da regio (Seg, 07 de Agosto de 2017 19:18)
    ltimas Notcias: Vale do caf ganha sinalizao Turstica (Ter, 11 de Julho de 2017 13:00)

     

    Bayard Do Coutto Boiteux

    No ltimo domigo, , encerram-se no Rio de janeiro, as Paralimpadas. A cidade viveu momentos importantes, sobretudo o fato de permitir que cariocas pudessem participar efetivamente das competies. Com os valores mais reduzidos dos ingressos e as gratuidades fornecidas s escolas, tivemos uma verdadeira democratizao dos jogos. Tal fato, alm de encher as arenas, trouxe uma outra alegria para os cenrios dos jogos.

    Foi tambm uma oportunidade para que a superao pudesse ser entendida, e que o esporte paralmpico entrasse no cotidiano da populao anfitri, que desconhecia atletas e modalidade, segundo pesquisa do Instituto de Pesquisas e Estudos do Turismo do RJ. Vivemos momentos de rara emoo, desde a abertura dos jogos at o nosso dia a dia, que hoje tem capacidade de ver atletas, portadores de necessidades especiais, sorrindo, levantando torcidas e mostrando que apesar das dificuldades, basta querer e ser motivado.

    Grandes eventos so uma mola mestra

    das economias municipais

    O novo transporte para as arenas, mormente o BRT e a Linha 4 do metr, mostraram uma cidade com comprometimento com a mobilidade e rapidez. S moradores da Zona Oeste sabem o que ficar duas, trs horas eventualmente no trnsito, para chegar ao Centro e Zona Sul. Moradores da cidade viram e utilizaram o novo modal e entenderam a transformao, que era necessria e que finalmente aconteceu.

    No entanto, moradores das reas vizinhas ao evento sentiram falta de maior presena das autoridades. Condomnios foram invadidos por taxistas e carros estacionados irregularmente. Bloqueios falharam ou no existiram, e a limpeza das reas foi descuidada.

    Embora os postos de informaes tursticas tenham sido mantidos, faltou informao bilngue nas arenas, por parte dos voluntrios. Em alguns momentos, viu-se muita desmotivao ou ausncia real de indicaes. Na chegada, por exemplo, da Linha 4, os turistas internacionais no sabiam como chegar mais rpido, atravs das ligaes diretas, e amarguravam um tempo muito maior nos paradores. Por outro lado, a segurana ostensiva foi menor, e as pessoas em alguns momentos se sentiam mais amedrontadas.

    A gesto de grandes eventos passa por um cuidado primoroso dos detalhes e do respeito a populao anfitri. Vamos aprender com os jogos, que deixam uma imagem positiva, um melhor entendimento dos ajustes que podem ser feitos rapidamente.

    Apesar dos contratempos, ganhamos em entretenimento, com o Boulevard Olmpico, vimos melhorias no transporte e estamos certos que turismo e grandes eventos transformam sonhos e so uma mola mestra das economias municipais.

    Bayard Do Coutto Boiteux

    Vice-presidente executivo da Associao dos Embaixadores de Turismo do RJ, gerente de turismo do Preservale, professor universitrio e presidente do Site Consultoria em Turismo (www.bayardboiteux.com.br).