Joomla Templates and Joomla Extensions by ZooTemplate.Com
    ltimas Notcias: Mudanças no Turismo federal são vitais para o sucesso do Brasil (Qua, 28 de Fevereiro de 2018 00:00)
    ltimas Notcias: Passaporte alemão é considerado o mais poderoso do mundo (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:31)
    ltimas Notcias: Rio Convention Bureau promoverá o Rio de Forma Virtual (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:31)
    ltimas Notcias: Autoridades de Turismo discutem febre amarela no Rio de Janeiro (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:29)
    ltimas Notcias: Brasil pode ganhar Estatuto do Turista (Sáb, 24 de Fevereiro de 2018 12:27)
    ltimas Notcias: Gesto de restaurantes tema de workshop no Rio (Qui, 09 de Novembro de 2017 13:49)
    ltimas Notcias: Startup Diaspora.Black incentiva turismo etnico (Ter, 07 de Novembro de 2017 00:00)
    ltimas Notcias: Brasil pode ganhar Estatuto do Turista (Ter, 07 de Novembro de 2017 00:00)
    ltimas Notcias: Museu do Caf a mais nova atrao da regio (Seg, 07 de Agosto de 2017 19:18)
    ltimas Notcias: Vale do caf ganha sinalizao Turstica (Ter, 11 de Julho de 2017 13:00)

     

     

    cada vez mais fcil encontrar algum que reconhea no turismo uma das experincias mais marcantes que se pode ter na vida. Na balana, a satisfao que se tem com uma viagem tem pesado mais, bem mais do que a aquisio do carro do ano e ou bens de consumo como celulares

    Pelo menos assim para a paulistana Raquel Calegario Braga, de 32 anos. Ela elegeu o turismo como prioridade de vida. Funcionria de uma multinacional, Raquel e o marido comearam a planejar suas viagens no incio do namoro, h doze anos, e desde ento fazem pelo menos uma viagem internacional por ano e duas ou mais pelo Brasil.

    Raquel no se considera uma pessoa consumista e conta que, sempre que possvel, tenta economizar. "No sou muito de frequentar shopping e no tenho o carro do ano. Prefiro guardar dinheiro para valorizar aquilo que realmente importa para mim, que viver experincias, conhecer pessoas e ter um outro olhar do mundo, em vez de simplesmente ter uma roupa nova ou um tnis legal", conta. "Quando viajo, aprendo, repenso valores, volto renovada", afirma.

    J so 38 pases visitados, entre eles Tailndia, Singapura, ndia e Camboja, onde estiveram recentemente, e um nmero bem maior de destinos brasileiros. "Aproveito todos os feriados e finais de semana para curtir uma praia por perto ou para conhecer um lugar novo. Na Copa do Mundo, por exemplo, o destino principal era Belo Horizonte, mas aproveitamos para conhecer as cidades histricas de Minas Gerais", diz.

    A administradora Patrcia Sini, de 37 anos, economiza na prpria viagem, sem prejuzo da experincia. Os roteiros so escolhidos por conta prpria, sem a ajuda de uma agncia de viagens, e as passagens so compradas com antecedncia, para caber no bolso. Durante os passeios, no usa carto de crdito e abusa dos transportes pblicos. "Alm de economizar, consigo explorar um pouco mais da cultura local", afirma.

    O bombeiro Marcus Vincius Almeida, de 36 anos, no abre mo de visitar pelo menos dois destinos por ano, mesmo que para isso renuncie a alguns confortos. Usa moto e bicicleta para se deslocar em Braslia, onde mora e preferiu no ter televiso em casa. "Com o valor que eu gastaria por ms para ter uma TV por assinatura, por exemplo, eu poderia comprar uma passagem area", diz.

    O estilo de vida de Marcus, sem grandes apegos materiais, se repete em suas viagens. Toda vez que visita um lugar novo, tenta entender os costumes e participar do dia a dia da populao local. Hospeda-se em albergues no s para pagar menos, mas tambm para interagir com moradores e outros visitantes.

    Reduzir o consumo para investir em viagens uma tendncia que tambm abre oportunidades para o turismo no Brasil. Segundo o ministro do Turismo, Vinicius Lages, o mercado interno tem um grande potencial de crescimento. "No ano passado, 62 milhes de brasileiros viajaram, quase um tero da nossa populao, e ainda tem mais 70 milhes de brasileiros que ainda no tiveram essa experincia e podem vir a t-la nos prximos anos", afirma.

    Fonte:www.jornaldeturismo.tur.br